Quem tem uma empresa deve estar atento às leis trabalhistas, pois se elas não forem respeitadas, podem ocorrer problemas para o seu negócio. Não apenas multas você terá que pagar, como a reputação e credibilidade da sua marca pode ser afetada no mercado.

E para saber como não correr esse risco, continue lendo este artigo e confira as dicas para sua empresa estar em dia com os direitos trabalhistas. Para tanto, segue os tópicos a seguir:

  • Registre adequadamente os funcionários
  • Determine funções para cada profissional
  • Conceda os direitos do trabalhador

Registre adequadamente os funcionários

O primeiro passo para sua empresa estar em dia com os direitos trabalhistas é registrando todos os seus funcionários de maneira correta. Em outras palavras, é preciso assinar a carteira de trabalho dos seus empregados, indicando a sua função e carga horária.

Com isso, estão garantidos os direitos trabalhistas dos profissionais que atuam no seu negócio. Entre eles, salário, férias, FGTS, 13º salário e outros mais. Caso isso não seja feito, a empresa pode ser autuada e terá que pagar multa.

Determine funções para cada profissional

Mais um passo importante para evita processos trabalhistas para o seu negócio é determinar funções específicas para cada funcionário. Além disso, cada empregado deve fazer somente aquilo que está previsto no seu cargo, sendo proibido pedir que ele desempenha outra função.

Se isso for feito, o empregado pode entrar com uma reclamação trabalhista e você terá que pagar pelas atividades extras que foram solicitadas. Essa organização também é importante para garantir o bom funcionamento do seu negócio.

Conceda os direitos do trabalhador

Existem muitos direitos trabalhistas que uma empresa deve garantir e dizer que não os conhecia não é desculpa caso não sejam cumpridos e o seu negócio processado. Portanto, é preciso saber como funciona a concessão do vale-transporte e do vale alimentação.

Da mesma forma, é obrigatório conhecer as regras da licença maternidade, como funcionam as férias dos funcionários e como a demissão deve ser feita, por exemplo. Horas-extras, jornada de trabalho e correção salarial também seguem leis específicas.

Além de ter um setor de Relações Humanas competente, é preciso gerenciar os pagamentos feitos aos seus funcionários adequadamente, para evitar erros.

Ajuda para estar em dia com as leis trabalhistas

Uma empresa de contabilidade pode dar conta do recado garantindo que você cumpra as leis trabalhistas vigentes. Para ajudar você a entender ainda mais as vantagens de contar com um especialista, clique aqui e tenha acesso a um e-book exclusivo e veja como profissionais experientes contribuem com o sucesso do seu empreendimento.