Se algum dia o contador já foi visto como um profissional responsável por solucionar somente aqueles probleminhas burocráticos de uma empresa, esses tempos já ficaram no passado. No mundo contemporâneo, cada movimento do empreendedor é crucial para sua sobrevivência, posicionando a contabilidade como um processo indispensável para enfrentar os desafios do mercado.

De acordo com estudos do Sebrae, o serviço de contabilidade empreendedora é um dos mais procurados por empresários. Mas, até que as empresas aproveitem todo o potencial desses profissionais, ainda existe um longo caminho a ser percorrido. Saiba como a contabilidade empreendedora pode influenciar o sucesso de uma empresa:

Parceiro especialista

As micro, pequenas e médias empresas raramente possuem equipes e recursos disponíveis para criar um time exclusivo de contabilidade. É aí que entra a contabilidade empreendedora, seja na figura de um profissional liberal ou de um escritório especialista no segmento.

Ao contratar esse tipo de serviço, o empreendedor pode tirar dúvidas nas áreas contábil, fiscal, trabalhista e societário, contando sempre com um atendimento de qualidade, um contato pessoal e o estabelecimento de um relacionamento de confiança.

Diagnóstico preciso

Ainda que a contabilidade empreendedora não seja capaz de agir no lugar do empreendedor, ela pode e deve fornecer um diagnóstico preciso da situação da empresa para que as ações necessárias à sua sustentabilidade econômico-financeira sejam tomadas.

Com isso, o empreendedor passa a ter balanços e controles que permitem conhecer e analisar diferentes aspectos do negócio, como custos, capital de giro, encargos e tributos, receitas, lucro e remunerações dos sócios. E a partir daí pode traçar ações estratégicas de acordo com a saúde do negócio.

Consultoria

Os empreendedores também precisam entender que a contabilidade não precisa ficar restrita à organização das finanças com base nas informações geradas pelas atividades empresariais.

Na contabilidade empreendedora, o contador se aprofunda nas principais causas da mortalidade das empresas (como a falta de planejamento ou a gestão inadequada, que ainda são responsáveis pelo fechamento de quase 1/3 dos negócios em seu primeiro ano), apoiando o empreendedor quando ele precisa tomar de decisões que tenham impacto direto sobre as finanças.

Resolução de conflitos

Muitas empresas acabam fracassando não em função do volume de negócios, mas sim por problemas internos, como os conflitos entre os sócios.

Nesses casos, a contabilidade empreendedora é um importante elemento para manter a clareza sobre a divisão societária e ajudar a solucionar divergências de opiniões que tenham impacto sobre as áreas contábil, fiscal e trabalhista.

Visão estratégica do negócio

Justamente por conhecer em profundidade os indicadores da saúde financeira do negócio, a contabilidade empreendedora também pode proporcionar um olhar técnico, porém com ‘sentimento de dono’.

Contadores com esse perfil podem atuar com uma visão estratégica do negócio, ajudando na projeção de resultados e definição de metas com seus conhecimentos sobre marketing, área comercial e empreendedorismo.

Como vimos no início desse post, os tempos da contabilidade como mal necessário já se foram.

Se a sua empresa quer ganhar vantagens competitivas com esse processo, já passou da hora de estreitar o relacionamento com a equipe de contadores ou então buscar um parceiro habilitado para proporcionar todas essas vantagens para o negócio.